Sistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusiadas

Information about Sistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusiadas

Published on September 5, 2017

Author: BibliotecaUCS

Source: slideshare.net

Content

1. OSLUSIADAS L U Í S D E C A M Õ E S E D I Ç Ã O - B R I N D E [ 1 9 1 3 ]

2.   "OS LUSÍADAS – já muitos o disseram – é o poema do mar. Não é só a poesia do mar que eterniza os seus versos; é, na verdade, a própria navegação, em cantos magistrais". (SILVA, 1971, p.9).   A "Edição Brinde" de Os Lusíadas de Luís de Camões apresenta ilustrações deslumbrantes produzidas por Adriano Ramos Pinto, um mercador ligado ao comércio oitocentista do vinho do Porto e fundador da casa de vinhos portuguesa Ramos Pinto.

3. A obra com encadernação em brochura, capa com ilustração colorida e detalhes gravados em   dourado,encontra-se na coleção de obras raras da Biblioteca Central da Universidade de Caxias do Sul. Folheando, a poesia portuguesa apresenta seu texto disposto em três colunas, páginas com cercaduras detalhadas com minuciosidade e  no rodapé descreve- se: "Adriano Ramos Pinto: vinhos do Porto, grandes marcas,  Champagne de Reims, authentico", demonstrando a estratégia inovadora de marketing para a época.

4.   A Casa Ramos Pinto instituiu-se no mercado brasileiro no início do século XX, expandindo-se e ganhando mercado rapidamente. Sua história marcante desenvolveu uma coleção de objetos em exposição na Área Museológica - Casa Ramos Pinto, já em 1997 a Casa   criou o Museu do Sítio de Ervamoira, em Portugal, com intuito de averiguação ambiental, arqueológica, enóloga e antropológica do do Vale do Côa, hoje Patrimônio da Humanidade por apresentar a maior concentração de arte rupestre do Paleolítico.

5. Os Lusíadas foi publicado em 1572 e ampara-se no antropocentrismo, característica peculiar do Renascimento e, neste sentido, o pensamento de Silva (1971, p. 9) expressa brilhantemente essa concepção quando pronuncia que: Camões fala de raça, dos homens, dos trabalhos e das conquistas. Recorda, com orgulho, a história de reis poderosos, de varões ilustres, de patrícios humildes. Faz profecias. Se lamenta o declínio da pátria, sabe que o futuro pertencerá aos herdeiros da gesta de quinhentos. Narra a viagem de Vasco da Gama: êsse, o tema central. Segue nos navios, pelo mar de Cristo, até o Oriente cobiçado. Do Tejo à Índia, abre o nôvo caminho, destrói conceitos velhos, alarga o mundo e a ciência. A travessia dos mares é a base emocional e fiel da inspiração camoniana." 

6. Destaca-se que o classicista foi inspirado pelas obras "Odisséia" de Homero e "Eneida" de Virgílio, onde o Cristianismo e a mitologia grega e romana são constantes em seus escritos. Camões, nascido em 1524 em Portugal, foi um notável poeta e suas obras possuem um importante valor literário. Compôs o Exército da Coroa Portuguesa e na batalha contra os Celtas, no Marrocos, em 1547, perdeu o olho direito. .

7. Morreu em 1580 em plena paupérie. De qualquer forma, tornou-se um célebre da poesia portuguesa ao lado de Fernando Pessoa. Embora haja controvérsias, historiograficamente, a ossada de Camões encontra-se em Lisboa, em um mausoléu no Mosteiro dos Jerônimos.  .

8. Fontes e Links FERREIRA, Felicidade Rosa Moura. Adriano Ramos Pinto: Práticas comerciais inovadoras no vinho do porto em finais do século XIX. 1996/2000. 295 f. Dissertação Mestrado em História Contemporânea - Universidade do Porto, Faculdade de Letras do Porto. Portugal, 1996/2000. SILVA, Antônio Mendes Braz da. Camões marinheiro: navegação e marinha em os lusíadas. Brasília: Instituto Nacional do Livro, 1972. http://www.superinteressante.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=34: astronomia-de-os-lus http://revistaadega.uol.com.br/artigo/a-frente-de-seu-tempo_3470.html http://restosdecoleccao.blogspot.com.br/2010/07/vinho-do-porto-e-os-vinhos-ramos- pinto.html http://guiadoestudante.abril.com.br/estudo/analise-os-lusiadas-de-luis-de-camoes/ http://www.lendoescrevendo.com.br/2012/06/resumo-os-lusiadas-luis-de-camoes.html https://educacao.uol.com.br/biografias/luis-vaz-de-camoes.htm https://www.ebiografia.com/luis_camoes/ http://www.centerofportugal.com/pt/vale-do-coa/ http://www.ramospinto.pt/origem.aspx?id=2&lingua=pt

9. CAMÕES, Luís de. Os Lusíadas. Edição-brinde. Porto, Portugal: Adriano Ramos Pinto, [1913]. 150 p. Texto elaborado por: Elisiane da Silva Soares Editoração: Clara Leidens da Silva Revisão e Colaboração: Ana Guimarães Pereira Paula Fernanda Fedatto Leal

Related presentations


Other presentations created by BibliotecaUCS